Tudo que você queria saber sobre a Celulite – Prevenção, tratamento e dicas

Um verdadeiro guia online sobre a Celulite, desde a prevenção, tratamento e dicas para evitar

Celulite  Tudo que você queria saber sobre a Celulite   Prevenção, tratamento e dicas
Celulite, com certeza este é um assunto que atormenta a maioria das mulheres. Desde já saiba que não há cura para a celulite, mas já existe conhecimento para ajudar na prevenção e melhora do quadro.

Na verdade, o nome celulite refere-se a um quadro inflamatório do tecido celular subcutâneo (gordura sob a pele). Na prática médica, usamos o termo Lipodistrofia Ginóide (LDG). Na celulite ocorrem alterações do relevo da pele que a deixam com um aspecto ondulado, acolchoado ou em forma de casca de laranja. Ocorrem depressões ou elevações da pele que se localizam principalmente nas coxas e nádegas. O abdome e os braços também podem ser acometidos. As lesões podem ser assintomáticas (sem sintomas) ou podem causar dor e sensação de peso.

A celulite pode aparecer em todas as idades e ambos os sexos. A maioria dos casos ocorre no sexo feminino, geralmente após a puberdade, e em pessoas obesas. Acometem mais de 95% das mulheres.

Vários fatores estão envolvidos, como hereditariedade (predisposição genética e constitucional), influência hormonal (estrógenos), alterações circulatórias, deficiência alimentar, fumo, sedentarismo.

Na celulite, ocorrem muitas alterações na estrutura da derme (uma das camadas da pele), microcirculação local e nas células de gordura.

Classificações da Celulite

A celulite é classificada de acordo com os aspectos clínicos em:
Grau I O doente é assintomático (não tem lesões), apresenta casos na família. Apenas ocorrem alterações vistas ao microscópio.
Grau II As alterações são visíveis ao contrair a musculatura ou comprimindo a pele.
Grau III Observamos pele acolchoada ou com aspecto de casca de laranja. Pode ocorrer dor à palpação.
Grau IV Mesmo aspecto observado no grau III mais presença de nódulos visíveis, dolorosos, aderência aos planos profundos, grandes ondulações na superfície.

A celulite é graduada de 0 a 3:

0 – Pele com superfície lisa mesmo sentada ou deitada – É quando aperta-se a pele e ocorre apenas a formação de linhas, sem depressões;
1 – Pele com superfície lisa de pé ou deitada – Aparecem pequenas depressões quando a pele é apertada;
2 – Pele de aspecto acolchoado quando em pé – Não é preciso apertar para notar os furinhos. Nesse caso, a superfície permanece lisa quando deitada;
3 – Pele de aspecto acolchoado estando em pé ou deitada.

celulite  Tudo que você queria saber sobre a Celulite   Prevenção, tratamento e dicas

Quais são as causas da celulite?

A causa é desconhecida, mas uma série de fatores incluindo genética, hormônios, inflamação e alteração da microcirculação estão envolvidos.

Por que a Celulite é mais comum em mulheres?

É mais comum em mulheres pelo tipo de hormônios circulantes que predominam e pelo tipo de arquitetura de sustentação da pele. Nos homens os septos do tecido conjuntivo subcutâneo são mais espessos, paralelos à superfície, formando uma rede que deixa os espaços para depósito da gordura muito pequeno. Já nas mulheres, os septos são finos, perpendiculares à superfície, resultando em maior espaço entre o tecido conjuntivo para depósito de gordura.

Existe cura para Celulite?

Se tratada logo no início existe possibilidade de melhorar até 100%. Nos graus mais avançados não melhora 100%, mas ocorre uma melhora importante de até 80% no grau 2 e 30 a 60% no grau 3. Além disso, o tratamento impede a progressão da celulite.

Refrigerante aumenta celulite  Tudo que você queria saber sobre a Celulite   Prevenção, tratamento e dicas

Gás de refrigerante causa celulite?

As mulheres perguntam sempre, outra falam que sim, outras não, o muito se fala sobre o “perigo” que o gás do refrigerante causa ao corpo perfeito, mas poucos sabem que não é ele o responsável pelas temíveis celulites.

De acordo com a dermatologista Roberta Ribas, em entrevista á revista BOA FORMA, “os vilões da história são, na verdade, o açúcar e o sódio contido nas bebidas com gás”. Isso significa que as águas gaseificadas estão fora da lista dos causadores de furinhos na pele.

“Enquanto o excesso de açúcar pode levar ao acúmulo de gordura nas células (por causa da elevação do nível de insulina no sangue), o de sódio retém água, causando inchaço – dois gatilhos importantes para o aparecimento da celulite”, explica Roberta.

Portanto, apesar do mito, uma coisa é certa: o refrigerante continua sendo um inimigo da beleza feminina.

Tratamentos específicos

A celulite pode ser leve ou estar em estágios avançados. Os tratamentos dependerão do grau de celulite. Classificamos em grau I, II, III, IV. Os graus mais leves respondem bem às mudanças nos hábitos de vida, dietoterapia, atividade física regular, sessões de drenagem linfática (massagem suave que estimula a circulação linfática). Os graus mais avançados exigirão as medidas já citadas mais tratamento medicamentoso e/ou cirúrgico loco-regional, como a lipoaspiração e a subcision.

A eficácia do tratamento proposto depende do estágio e do tempo de duração da celulite, além da predisposição da paciente para controlar os fatores agravantes.

Como acabar com a Celulite  Tudo que você queria saber sobre a Celulite   Prevenção, tratamento e dicasComo acabar com a Celulite

A celulite possui quatro estágios de gravidade, indo desde uma fase de congestão até um nível em que nódulos grandes dificultam a reversão por tratamento estético.

Por esse motivo, o tratamento contra a celulite deve priorizar os estágios iniciais. Existem diversos tipos de tratamentos para combater e prevenir a celulite. A mulher que realmente se cuida pode ficar livre deste mal e apresentar uma pele lisa e sem imperfeições causadas pela celulite.

Além do tratamento, é importante a prevenção, a manutenção de uma dieta equilibrada e a pratica de atividades físicas regulares, entre outros métodos visando a eliminação das celulites.

Tecnologias utilizadas para tratamento: Intradermoterapia, drenagem linfática manual, ultra-som, Subcisão, Carboxiterapia, Manthus e Lipoescultura Gessada.

Como evitar e curar a Celulite ?

Como uma jovem rebelde, a celulite precisa de um plano de ação que a corrija. Embora seja indomável, é preciso enfrentá-la com bons hábitos e cuidados constantes, pois essa é a única maneira de emendá-la.

Sem aviso prévio e com insolência, a celulite se instala no bumbum, nos quadris, no abdômen, e, com a idade, até no joelho e nos braços. Não desaparece por si só, é preciso lutar contra ela.

Presente na maioria das mulheres, a odiada celulite, também chamada de “pele de casca de laranja”, é o acúmulo de gordura em forma de nódulos e buraquinhos.

Esta disfunção, de aspecto rugoso e áspero, é uma alteração dos adipócitos – células especializadas em armazenar energia em forma de gordura – que aumentam de tamanho, comprimindo tudo a seu redor e prejudicando a circulação sanguínea e linfática, o que dificulta a oxigenação, a drenagem e a eliminação de toxinas.

A desordem se multiplica quando a glicose extravasada provoca uma deterioração no colágeno e na elastina. O resultado é uma pele envelhecida, sem flexibilidade, opaca e desidratada.

Este excesso de gordura, que costuma aparecer na adolescência, aumentar durante a gravidez e disparar em momentos de desequilíbrio hormonal. É muito fácil de identificar, mas difícil de combater e mais ainda de averiguar por que aparece.

Da clínica Mira+Cueto, especializada em medicina estética, a doutora Mar Mira explica que este “problema estético está intimamente ligado ao código genético feminino e é sofrido em silêncio por 98% das mulheres de todo o mundo”.

A especialista lembra que “não se acumula só sobre a pele de mulheres com excesso de peso, as magras também sofrem com o problema. Entre os fatores que contribuem para o surgimento estão problemas circulatórios, má alimentação, sedentarismo, mudanças hormonais e estresse”.

Há soluções definitivas ?

Celulite no bumbum  Tudo que você queria saber sobre a Celulite   Prevenção, tratamento e dicas“Ainda não existe uma fórmula mágica que a elimine para sempre. É mais uma questão de atitude, de constância, de mudanças de hábitos”, explica a doutora Sofía Ruiz del Cueto, especialista em medicina estética da clínica Mira+Cueto.

Após instalada na pele, é difícil se desfazer dela. Não existem os milagres, mas pode haver melhora. O ideal é traçar um plano para combatê-la diariamente, caso contrário, voltará. Uma alimentação adequada, exercícios, uso diário de produtos e tratamentos estéticos personalizados com máquinas de última geração são os protocolos mais adequados.

Entre os mais recentes tratamentos para combater a celulite está o programa redutor Body Express, da clínica Instimed, um pacote que combina pressoterapia e injeções de mesoterapia.

“A revolução tecnológica chega pelas mãos do Cyclone, uma máquina capaz de romper os adipócitos, destruir a celulite, reduzir o volume e eliminar as toxinas, graças à combinação de ultrassom e radiofrequência. A partir da quarta sessão, os resultados são visíveis”, explica Felicidad Carrera, especialista em estética.

Instituto Médico Laser corrige a celulite com carboxiterapia, tratamento a base de microinjeções de dióxido de carbono para destruí-la e estimular a microcirculação.

Muitas mulheres pensam na lipoaspiração como a solução mais radical e efetiva para se livrar da celulite, “mas nem sempre se consegue os resultados desejados, simplesmente melhora em 50%”, diz o cirurgião doutor Chamosa.

“A lipoaspiração serve para retirar a gordura, não para erradicar o que se conhece como pele de casca de laranja”, explica o cirurgião.

Bons hábitos evitam a celulite

“Para conseguir pernas elegantes, é preciso quebrar o círculo vicioso entre a má circulação e o acúmulo de gordura”, explica o doutor Javier Moreno Mora, diretor do Instituto Médico Laser.

O especialista acrescenta que é preciso começar adotando estes bons hábitos:

– Aposte na dieta mediterrânea, com alimentos ricos em fibras e pobres em gordura, como peixe, carne, ovos, verduras e legumes.

– Tomar dois litros de água por dia e chás diuréticos.

– Evitar banho com água quente, assim como as fontes de calor direto. As duchas de água fria favorecem a circulação de retorno. São muito benéficos os passeios na beira do mar.

– Praticar esportes suaves como natação, bicicleta, golfe ou esqui. Subir escadas e caminhar rápido uma hora diariamente é outra opção. Esqueça os exercícios de alto impacto, como o squash.

– Colocar as pernas para o alto por 20 minutos no final do dia e evitar muitas horas em pé, já que dificulta a drenagem e favorece o edema nas pernas, devido à força da gravidade.

– Não abusar do sal e do café. É desaconselhável consumir embutidos, queijos curados e doces.

– É proibida a ingestão de álcool e de cigarro.

– Renunciar à vida sedentária e a passar horas e horas em frente ao computador. São recomendáveis passeios de cinco minutos entre uma hora e outra hora.

– Controlar os anticoncepcionais e evitar roupas apertadas e saltos altos.

– Regular o trânsito intestinal.

– É muito recomendável receber massagens, já que aumenta a capacidade recoletora dos gânglios linfáticos, verdadeiras estações de coleta e limpeza do organismo.

Deixe um comentário sobre Celulite – Prevenção, tratamento e dicas.

loading...

Escreva aqui !

Comentário