Coleção de Vestidos da Valesca Popozuda

A funkeira Valesca Popozuda, agora é empresária e quer vender suas roupas nas grandes magazines do Brasil.

Valesca-Popozuda-602x401 Coleção de Vestidos da Valesca Popozuda

Valesca Popozuda posa com roupas de sua grife

Valesca Popozuda resolveu virar empresária e está montando uma grife de vestidos. As peças ainda estão sendo desenhadas, mas a funkeira mostrou alguns modelos com exclusividade para o EGO. “Sempre tive vontade de ter minha própria grife, pois as pessoas sempre perguntam na rua de onde são minhas roupas. Primeiro pensei em linha de biquíni e lingerie, mas depois achei melhor fazer vestido mesmo, pois é o que eu mais gosto de usar”, disse.

A coleção ficará totalmente pronta e estará nas lojas em dezembro e a loira não esconde a ansiedade. “Não vejo a hora de o Brasil todo estar usando as minhas roupas. Quero que fique pronto logo. Vamos vender nas maiores magazines do Brasil e com preço bem justo. Eu não gosto de pagar nada caro, então não quero que meus vestidos sejam caros”, contou.

A funkeira está tendo uma ajuda de peso para montar a coleção. Além da personal stylist Marcella Vinhaes, Valesca também está tendo a ajuda da mãe Regina Célia que é costureira. “Minha mãe me diz se as minhas ideias são possíveis ou não de serem feitas. Tem alguns modelos que ela fala antes mesmo de eu passar para a estilista que não vai ficar legal. Confio 100% no trabalho da minha mãe”, revelou.

Coleção vai contar com duas linhas: uma para o dia a dia, outra para a noite

valesca_popozuda_4 Coleção de Vestidos da Valesca PopozudaMarcella Vinhaes contou que a coleção de Valesca será para todos os gostos. “Teremos a linha Vaslesca Glam, que é mais festa, com brilho, renda, decote e transparência e a linha Valesca Pop que será mais para o dia a dia. Aqueles vestidinhos simples, porém chiques para a mulher passear no shopping, ir ao cinema e etc”, disse.

Uma das exigências da funkeira é que não faltem estampas de bichinhos. “Amo estampa de onça. Quero todos os tipos de onça na minha coleção, além de zebra, tigre e muito mais. Também gosto bastante das cores flúor. Minha coleção vai fugir do básico”, contou.

Outro trunfo dos vestidos de Valesca é a adequação ao corpo. “Eles não ficam subindo quando a mulher anda e ficam bem ajustados ao corpo. Além disso, tem bojo para aumentar os seios de quem não tem muito e segurar daquelas que têm silicone igual a mim. O drapeado dos modelos modela o corpo e esconde as gordurinhas de quem está fora de forma”, revelou.

Apesar da carreira de empresária, Vaslesca não deixará de cantar

valesca_popozuda_2 Coleção de Vestidos da Valesca PopozudaQuem pensa que agora que Valesca virou empresária ela vai abandonar o funk está enganado. “São onze anos com a Gaiola das Popozudas e não penso em parar de cantar. Vou continuar fazendo shows por todo o Brasil. Ano que vem vamos gravar o nosso primeiro DVD e vai ser um grande projeto. A música de trabalho é ‘Hoje eu não vou dar, eu vou distribuir’”, disse.

Projeto social e ensaio nu

Além da grife de roupa, Valesca pretende também tocar o projeto social que já tem. “Tenho um projeto na Rocinha, comunidade da Zona Sul do Rio, que visa tirar os jovens das drogas e dar oportunidade para eles seguirem sonho de serem jogadores de futebol. O nome é ‘Craque aqui só se for no futebol’. Meu sonho é levar para todas as comunidades do Rio”, contou.

Sobre as especulações sobre novo ensaio nu, a funkeira conta que isso ficará mais para o futuro. “Penso em posar nua novamente sim, mas só ano que vem. Quero fazer as coisas com calma. As pessoas sempre esperam mais de Valesca Poposuda e o primeiro ensaio que fiz foi um arraso, então quero fazer um melhor ainda”, finalizou.

loading...

Escreva aqui !

5 Comentários