As escolas são obrigadas a tocar o Hino Nacional?

Conheça e saiba algumas curiosidades sobre o Hino Nacional Brasileiro

Hino Nacional Brasileiro  As escolas são obrigadas a tocar o Hino Nacional?Um dos símbolos da pátria, a composição musical do maestro Francisco Manoel da Silva foi considerada como “Hino Nacional” em 1890. Porém, por 32 anos ele era cantado com letras diferentes e inadequadas. Somente às vésperas do primeiro centenário da independência do País, em 6 de setembro de 1922, um decreto oficializou a letra definitiva do hino, escrita em 1909.

Mas afinal, quem escreveu o Hino Nacional Brasileiro? Ele tem um nome específico? As escolas são obrigadas a tocar o Hino? Confira abaixo algumas curiosidades sobre a canção símbolo do nosso País.

O Hino Brasileiro tem nome?

O hino brasileiro, diferentemente dos de alguns outros países, não tem um nome diferente. Chama-se apenas Hino Nacional Brasileiro. Segundo o professor de história coronel Luiz Ernani Caminha Giorgis, a letra foi composta depois da proclamação da República já com o objetivo de servir de hino nacional.

É diferente do caso dos Estados Unidos e da França. Nas duas situações, canções já criadas foram declaradas hinos nacionais posteriormente. O hino americano se chama A Bandeira Estrelada (The Star-Spangled Banner) e o francês, Marselhesa (La Marseillaise).

Quem compôs a letra do Hino Nacional?

Joaquim Osório Duque-Estrada é o autor da letra do Hino Nacional. Nascido em 1870, foi crítico, professor, ensaísta, poeta e teatrólogo, além de membro da Academia Brasileira de Letras (ABL). Depois de deixar o magistério, em 1905, voltou a colaborar com a imprensa, em quase todos os diários do Rio de Janeiro. A letra foi escrita em 1909, para a música de Francisco Manuel da Silva, composta em 1831.

As escolas são obrigadas a tocar o Hino?

Pelo menos uma vez por semana, escolas públicas e privadas de ensino fundamental são obrigadas a tocar o hino brasileiro, de acordo com a Lei 5.700. Também é exigido que todas as instituições de educação ensinem seu canto e sua interpretação.

Mas não são só os estudantes que devem cumprir tal obrigação. A mesma lei diz que “ninguém poderá ser admitido no serviço público sem que demonstre conhecimento do Hino Nacional”. Se souber toda a letra, pode acrescentar no currículo!

Qual a postura correta para a hora do Hino? 

Todos devem tomar atitude de respeito, de pé e em silêncio. É o que diz o capítulo 5º da Lei 5.700, de 1º de setembro de 1971. E nada de boné ou chapéu: os civis do sexo masculino têm de permanecer com a cabeça descoberta. Já a continência é exigida apenas para os militares, e cada um respeita o regulamento da sua corporação.

Em caso de execução simplesmente instrumental, não se deve cantar. A máxima de que aplaudir é falta de educação é contraditória – não há na lei referência explícita a ser proibido.

É permitido gravar versões do Hino Nacional?

Se você pretende lançar no YouTube sua própria versão sertaneja, funk ou pagode para o Hino Nacional, melhor esquecer. A Constituição Federal proíbe a execução de qualquer arranjo artístico instrumental ou vocal do Hino, a menos que autorizado pela Presidência da República. “É obrigatória a tonalidade de si bemol para a execução instrumental simples do Hino Nacional”, diz ainda o texto.

Primeira ParteSegunda Parte
Hino Nacional Brasileiro
I

Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
De um povo heróico o brado retumbante,
E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos,
Brilhou no céu da Pátria nesse instante.

Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte,
Em teu seio, ó Liberdade,
Desafia o nosso peito a própria morte!

Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve! Salve!

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido,
De amor e de esperança à terra desce,
Se em teu formoso céu, risonho e límpido,
A imagem do Cruzeiro resplandece.

Gigante pela própria natureza,
És belo, és forte, impávido colosso,
E o teu futuro espelha essa grandeza.

Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo
És mãe gentil,
Pátria amada,
Brasil!

II

Deitado eternamente em berço esplêndido,
Ao som do mar e à luz do céu profundo,
Fulguras, ó Brasil, florão da América,
Iluminado ao sol do Novo Mundo!

Do que a terra mais garrida
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores,
“Nossos bosques têm mais vida”,
“Nossa vida” no teu seio “mais amores”. (*)

Ó Pátria amada,
Idolatrada,
Salve! Salve!

Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado,
E diga o verde-louro dessa flâmula
– Paz no futuro e glória no passado.

Mas se ergues da justiça a clava forte,
Verás que um filho teu não foge à luta,
Nem teme, quem te adora, a própria morte.

Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo
És mãe gentil,
Pátria amada,
Brasil!

 

Hino Nacional em Inglês

Primeira ParteFrom the Ipiranga, the placid banks heard
the resounding cry of a heroic people
and in shining the sun of liberty
shone in our homeland’s skies at that very moment.

If we have fulfilled the promise
of equality by our mighty arms,
in thy bosom, O freedom,
our brave breast shall defy death itself!

O beloved,
idolized homeland,
Hail, hail!

Brazil, an intense dream, a vivid ray
of love and hope descends to earth
if in thy lovely, smiling and clear skies
the image of the (Southern) Cross shines resplendently.

A giant by thine own nature,
thou art a beautiful, strong and intrepid colossus,
and thy future mirrors thy greatness.

Beloved Land
amongst a thousand others
art thou, Brazil,
O beloved homeland!

To the sons of this land
thou art a gentle mother,
beloved homeland,
Brazil!

 

Hino Nacional em Inglês

Segunda ParteEternally lain on a splendid cradle,
by the sound of the sea and the light of the deep sky,
thou shinest, O Brazil, garland of America,
illuminated by the sun of the New World!

Thy smiling, our prairies have more flowers
than the most elegant land abroad,
“Our meadows have more life”,
“our life” in thy bosom “more love”. (*)

O beloved,
idolized homeland,
Hail, hail!

Brazil, let the star-spangled banner thou showest forth
be the symbol of eternal love,
and let the laurel-green of thy pennant proclaim
‘Peace in the future and glory in the past.’

But if thou raisest the strong gavel of Justice,
thou wilt see that a son of thine flees not from battle,
nor does he who loves thee fear death itself.

Beloved Land,
amongst a thousand others
art thou, Brazil,
O beloved homeland!

To the sons of this land
thou art a gentle mother,
beloved homeland,
Brazil!

Luan Santana cantando o Hino Nacional Brasileiro


Você pode saber mais sobre o nosso Hino na wikipedia

loading...

Escreva aqui !