Melhores frases do Gil Brother – AWAY

Gil Brother , o Away e suas melhores frases

GIL BROTHER  Melhores frases do Gil Brother   AWAY

“Ô seus pedófi”, “Awaaaaaaay”, “garotinho juvenil criado a leite com pêra”, bordões como esses fizeram Gil Brother ser a celebridade que é. Um astro, principalmente entre os fãs do Rock in Roll, já que Gil, o Brother é roqueiro, metaleiro e  fã assumido de James Brown, o rei do Soul. Os dreadlocks evidenciam isso.

“HAHAHAHAHA… Com isso, não dá nem pra levar a tua vó prum banho de sol. Seu inocente juvenil … Tô de bobeira não hein …”
Gil Brother sobre boça não ter dinheiro pra tira a avó da cadeia.

“Tá invergonhanu… A Crasse Hômi!’
Gil Brother sobre Jovens que usam anabolizantes.

“Vai toma no cú tranquilo!!!valeu?!’
Gil Brother sobre Você.

“Um bando de badernista, tudo uns aluno criado a leite com pêra, a ovo maltino, a pão com mortandela”
Gil Brother sobre os filha das putas dos aluno badernista.

“Cumigu num tem caratê, num tem jorgite e nem cunguifu. A minha chinfra, maluco, aí, é botá os 5 dedo na cara e cair tremendo. Tô convidano QUALQUER UM PRA PORRADA, PRA PORRADA MERMO, FALÔ! AWEY!!!”
Gil Brother sobre Artes marciais de garotinhos juvenis criados a leite com pêra e ovomaltino na geladeira

“O aumento da gasolina que se foda-se mermão eu num tenho carro!!”
Gil Brother sobre inflação no país.

“Por que meu dinheiro, suor da minha testa, não foi feito, pra mim(sic)dar pra filho de político ir pras Ilhas Galáctas”
Gil Brother sobre Impostos.

“Cumpadi é o caralho, rapá! Não batizei teu filho mermão!! Vai tomá no cu.”
Gil Brother sobre quem o chamar de cumpadre.

“Cala boca meu aluno, você está defecando pela boca!”
Gil Brother sobre Aluno da Faculdade em “Sinhá Boça.

“A sindrome do paní que ta atacando a sociedade… é estress no restorante, liga aquele cigarro catingosoo…!”
Gil Brother sobre Doenças da modernidade.

“Esse caso é complicado. É muita falcatrua com um pouquinho assim de vadiagem.”
Gil Brother sobre o caso do Boça e sua Vó.

“Não, meu amor… estou aqui desinvolvendo o meu raçocínio aqui no meu lépi toki… não tenho tempo, meu amor….”
Gil Brother sobre Desenvolvendo Raçocínio.

“Se acabar a luz, eu faço gato. Se acabar o gato, acendo vela. Se acabar a vela, faço bucha de corda. Se acabar a bucha de corda, acendo fogueira dentro de casa mermão! Mas não pago porra nenhuma! O ônibus eu entro pela janela!”
Gil Brother sobre Governo.

“Pega eles TUPI!!”
Gil Brother sobre os assassinos do seu passarinho.

“Vo t’stala o coco rapá!!!”
Gil Brother sobre o cantor de ópera filho da puta

“Enfia uma dentadura no cu e ri pro caralho!”
Gil Brother sobre Garotinho juvenil.

“Vou passar a lambida no pescoço!”
Gil Brother sobre qualquer coisa.

“O seu pinto está um cotoco… A gatinha bunitinha vira pra você,você vira a bundinha!”
Gil Brother, também sobre os jóvi que usam anabolizantes

“Que isso, minha filha!!! Ganhar dinheiro de perna aberta.. VAI TRABALHAR!!!!.”
Gil Brother sobre As mulheres que vivem posando nua nas revistas.

“Onde já se viu? Botar píssi (piercing) na boca, píssi no cuzinho! Meu Deus, é o fim do mundo!”
Gil Brother sobre Moda Jovem.

“…E você DIZ, antes que eu te passe a LAMBIDA: Viva a morte do meu pau, viva… a morte… do meu pau! Anabolizante filho da puta!!!”
Gil Brother sobre anabolizante.

“Eu vô levá esses pedófi (sic) tudo lá pro meu sítio, lá em São José. Chegando lá eu vô botá os cabrito pra mamá, testada no pau do nariz, soco no coração, chapa nos peito e depois vai levá soco na cabeça pra desentupir o célebo (sic)! Mas eu quero ver os cabrito mamando neles primeiro, antes de fazer as minha atrocidades com eles!”
Gil Brother sobre pedofilos.

“Cirroce é o efeito colesterol da cachaça!”
Gil Brother sobre cachaça.

“Hi, I’m Jeg Buggue. Boogie Nights. jeguéass uhhhhuuu..away!!”
Gil Brother sobre a abertura de “Jegueass”.

“Não aguenta dez minutos de porrada comigo!”
Gil Brother sobre os alunos filhos das putas.

“Vovó, não adianta, Vovó… Querê fazê plástica, querê botá eeaueeaa… Ivv… I num sei quantos emiéli dum lado, do ôto…”
Gil Brother sobre Vovó (Velha Irritante).

“Eu sou vagabundo!!! Eu sou malandro de cadeia!!!”
Gil Brother sobre seu curriculum.

“Cê qué ficá peitudo? Bundudo? A gatinha bunitinha vira pra você e cê vira a bundinha!”
Gil Brother sobre o pessoal que toma bomba.

“Se os caras não me pagar, eu vou beber o sangue deles nu copo de uísque!!! Uísque é o caralho, num copo de geléia de mocotó!!!”
Gil Brother sobre o que ele fará com os filhos da puta que mataram o passarinho

“Tem pardal, pica-pau, tem… ALBASTROV”
Gil Brother sobre Comidas.

“Já cozinhei pra Hebe Camargo com aquela cara pelancuda”
Gil Brother sobre Pra quem ja cozinhou.

“O cachacero toma no cu hoje, e amanhã ele toma no cu de novo.”
Gil Brother sobre cachaceiro.

“O indio tava dançando igual um filhadaputa todo barrigudo lá na aldeia!”
Gil Brother sobre índio.

“Você tem que ter disciplina na cadeia! Se te passá a mão, você deixa! Se comer seu buraquin, você deixa! Se te raspar igual uma garrafinha, você deixa!!!”
Gil Brother sobre comportamento a se seguir na cadeia.

“Você tá pensanu que café dá em árvori, rapá?!!!”
Traficante Gildo sobre café, cobrando do drogado samuca o dinheiro pelo café.

“Tem uma nova novidade(sic)…aqui…pra tu…da mais alta qualidade!”
Traficante Gildo sobre a nova onda do cadjudjinho.

“A farofa fica derretenu na boca, num garra nem nos dente!!!”
Gil Brother sobre Strombelete de Pombo Obeso.

Troca de Sexo, vai vendo:

www.canalaway.com.br – Canalaway no youtube

loading...

Escreva aqui !