Kawasaki Ninja ZX-6R 636

A Kawasaki anunciou a chegada de sua superesportiva média, a Ninja ZX-6R 636 ao Brasil. As novidades do modelo incluem o novo motor, que continua tendo quatro cilindros em linha, mas passa a ser de 636 cm³ e gerar 137 cv a 13.500 rpm já com a atuação do sistema Ram Air. O design também foi reestilizado, o que a deixou mais agressiva e parecida com a sua irmã maior, a ZX-10R.

A nova Ninja também recebeu diversos itens eletrônicos como o controle de tração regulável em até três níveis, os dois modos de mapeamento do motor e uma versão equipada com freios ABS. A Kawasaki ZX-6R 636 já está em produção na fábrica da marca em Manaus (AM) e estará nas concessionárias em abril disponível nas cores verde e branca para versão Standard por R$ 49.990 e apenas na cor verde para a versão com ABS por R$ 52.990.

Ninja 636Aumento da cilindrada
Para obter maior volume no propulsor, a Kawasaki aumentou o curso dos quatro pistões, ou seja, seu comprimento ganhou medidas. Segundo a empresa, passou de 42,5 mm para 45,1 mm. A ZX-6R 636 também possui dois modos de potência: o Full, no qual 100% da potência é despejada, e o Low, que restringe a 80% da força total.

Tecnologia
O pacote tecnológico do modelo é grande, mas o destaque fica pela adoção do sistema de controle de tração, como suas irmãs maiores Ninja ZX-10R e Ninja ZX-14R. Este dispositivo evita que a roda traseira derrape e tem três modos de potência, que vai do menos intrusivo ao mais atuante, além de poder ser totalmente desligado.

 

Painel Ninja ZX-6R 636Já o câmbio de seis marchas possui embreagem deslizante, que evita o travamento das rodas em reduções de marchas muito bruscas, e também conta com assistente no dispositivo, tornando seu acionamento mais leve.Os freios ABS são oferecidos como opcionais e o peso a seco da ZX-6R 636 é de 192 kg (194 kg com ABS). Além do sistema, a esportiva tem dois discos de freios na dianteira (de 310 mm de diâmetro cada) – maiores que da ZX-6R 2012 – e um disco na traseira (220 mm).

As suspensões contam com nova geração do “Big Piston Fork” da Showa, uma das principais fabricantes de amortecedores do mundo, com múltiplas regulagens. Na traseira, o monoamortecedor e a gás.

Apesar das grandes mudanças visuais e mecânicas, o chassi de perimetral de alumínio foi mantido o mesmo da versão antiga, apenas com pequenos ajustes para a incorporação do Ram air. O amortecedor de suspensão passa a ser opcional – no modelo antigo era de série.

Seu ângulo de cáster, formado pela inclinação dos amortecedores dianteiros em relação ao solo foi diminuído, passando de 24º para 23,5º. Na prática, a marca divulga que a alteração trouxe melhor dirigibilidade e maior conforto. O peso da esportiva, em ordem de marcha (com todos fluídos e combustívla), é de 192 kg, 1 kg a mais que a ZX-6R 2012. Com ABS, o modelo tem 194 KG.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here