Moradores de RR invadem imóveis do Minha Casa, Minha Vida

Mais de 30 imóveis estão abandonados e com obras inacabadas.
Prefeito de São Luiz garante que rede elétrica e de esgoto serão instaladas

Os moradores do município de São Luiz, Sul de Roraima, invadiram as casas do programa ‘Minha Casa, Minha Vida’ por alegarem atrasos nas obras e não terem onde morar. Ao todo, 35 residências começaram a ser construídas há cinco anos, mas ainda não foram concluídas. De acordo com a dona de casa Maria do Santos, os imóveis não possuem rede elétrica nem água encanada.

Maria disse que já se inscreveu duas vezes no programa, mas nunca foi contemplada e por isso resolveu invadir uma das casas com os três filhos. Ela diz que as residências estão abandonadas por um longo período e pede à Justiça que providencie outro local para morar, caso seja retirada do imóvel.

minha casa minha vida  Moradores  de RR invadem imóveis do Minha Casa, Minha Vida

O agricultor Roberto Lima conta que está em uma das casas por ordem judicial. “Estava inscrito em um ‘aluguel social’, mas como nunca foi pago, foi preciso eu entrar com uma ação na prefeitura para receber a casa do programa”, disse.

De acordo com o prefeito de São Luiz, Edson Leite, muitas pessoas que invadiram os imóveis não estão inscritas no programa. Ele cobra explicações da Caixa Econômica Federal, responsável pela contratação da empresa executora das obras. “A prefeitura vai fazer a parte dela, que é implantar redes elétrica e de esgoto”, declarou.

À reportagem, a Caixa informou que não é responsável pela construção das moradias e a responsabilidade seria da Companhia Hipotecária Brasileira. A equipe tentou contato com a CHB, mas não obteve êxito.

loading...

Escreva aqui !