Conheça Bonito

Bonito é o centro brasileiro de espeleomergulho

Bonito é o centro brasileiro de espeleomergulho  Conheça Bonito

Bonito é o centro brasileiro de espeleomergulho

Os inúmeros córregos, nascentes, grutas e cavernas inundadas de água cristalina fizeram com que os fazendeiros descobrissem que a natureza exuberante da cidade é mais lucrativa que os pastos, transformando Bonito num dos mais promissores pontos turísticos do Brasil.

Desde que virou um dos lugares mais procurados por turistas no país, a pacata cidade de Bonito perdeu a tranqüilidade, mas não a qualidade de vida. É que ali existe um sistema de manejo turístico que visa, antes de mais nada, preservar o meio ambiente.

A invasão de botes infláveis, equipamentos de mergulho e ônibus de excursão é limitada. Um dos motivos é que, com exceção da Gruta do Lago Azul e do Balneário Municipal, todas as outras atrações ficam em áreas particulares, onde os visitantes só entram em grupos limitados e acompanhados por guias turísticos credenciados.

A formação calcária da Serra da Bodoquena é responsável pelas inúmeras cavernas e transparência da água. Algumas foram inundadas devido ao lento afundamento da serra, fazendo com que seus espeleotemas ficassem submersos sob o lençol freático, como é o caso da Grutas do Mimoso, do lago Azul e do Abismo Anhumas. Outras foram escavadas na rocha por rios subterrâneos que afloram na superfície.

Para os mergulhadores, os principais atrativos são as nascentes e os rios de água cristalina que proporcionam mais de 50 metros de visibilidade e uma exuberante vida subaquática. As cavernas submersas e ressurgências de rios são reservadas para mergulhadores credenciados e fazem da cidade o principal centro de espeleomergulho do país.

Abismo de Anhumas
A 72 metros abaixo da superfície da terra está um lago subterrâneo com belíssimos cones e espeleotemas. A descida é feita em rapel. A parte mais bonita fica entre os 15 e 25 metros do lago, onde existe um labirinto formado por cones gigantescos. Fora d´água as cortinas e estalactites são iluminadas por uma clarabóia no teto. É, sem dúvida, um dos mergulhos mais radicais da região, além de exigir preparo físico e técnicas de espeleologia. O retorno à superfície leva cerca de 45 minutos.

Nascente do Rio Formoso
O principal município de Bonito nasce em duas ressurgências muito próximas. A principal é a mais ampla, com maior volume de água. O conduto principal desce suavemente e se estreita à medida que a profundidade aumenta. Está interligada com a segunda nascente, mas é necessária muita experiência para se tentar esta passagem, que ocorre a mais de 60 metros de profundidade. A outra ressurgência tem, na entrada, uma forte corrente em direção à saída.

Rio Sucuri
O rio possui uma visibilidade espetacular com vegetação aquática exuberante. Piraputangas e dourados fazem parte da paisagem, assim como cascudos, mato-grosso e pequenos crustáceos. A descida leva 45 minutos e a beleza do local é estonteante, tanto dentro quanto fora d´água. O mergulho na nascente do rio Sucuri é proibido devido à sua baixa profundidade, mas, mesmo assim, o lugar não deve deixar de ser visitado, pois é uma das paisagens mais bonitas da cidade.

Lagoa Misteriosa
Um dolina que forma uma lagoa de águas cristalinas. A 17 metros de profundidade abrem-se dois poços, com cerca de 10 metros de diâmetro, que descem verticalmente para mais de 240 metros de profundidade. A beleza fica por conta da transparência da água, onde é possível observar aos 30 metros as árvores que cerca a lagoa. O acesso é através de uma trilha com forte inclinação, de aproximadamente 70 metros até chegar ao ponto de mergulho.

bonito1  Conheça BonitoBuraco das Abelhas
Uma ressurgência que forma uma caverna com pouco mais de três metros de diâmetro e que não possui espeleotemas. Logo após a entrada, o conduto vira à direita, onde não existe mais luz natural. Aos 18 metros, abre-se uma fenda que cai verticalmente para os 42 metros de profundidade. Ideal para treinamento de mergulho em caverna. Mas o futuro desses mergulhos ali é incerto, uma vez que a fazenda foi vendida e os novos proprietários não decidiram se darão ou não permissão para a entrada em suas terras.

Olho D´água e Rio da Prata
Diversas nascentes formam uma grande lagoa de águas cristalinas que servem de habitat para as piraputangas, grandes dourados, pintados e corimbás. O visual é impressionante devido à transparência da água. Dali parte um córrego em direção ao Rio da Prata, onde a descida exige cuidados. É necessário passar por cima de troncos e uma cachoeira força a saída da água para continuar o mergulho mais abaixo, numa nascente enorme no meio do rio. A descida leva mais de uma hora e é recomendável só para os mais experientes.

Aquário Natural
Conhecida como Baía Bonita, esta nascente é a mais rica em plantas aquáticas e cercada por uma densa vegetação. Dentro d´água, o espetáculo fica por conta dos cardumes de piraputangas, corimbas e alguns dourados. A transparência da água que brota em diversas nascentes no fundo da baía atingem mais de 50 metros, formando um córrego de 800 metros que deságua no rio Formoso. O mergulho termina numa trilha no meio da mata ciliar, que passa por algumas cachoeiras.

Gruta do Mimoso
A mais visitada e também a mais bela caverna submersa da região, é ideal para iniciantes. O mergulho começa num lago subterrâneo no interior da gruta, iluminado pelo sol. No lago já é possível encontrar cortinas de estalactites, que avançam dentro d´água, e pequenos lambaris, que vivem entre as rochas. Seguido o cabo-guia, chega-se a um grande túnel com teto recoberto por milhares de pequenas estalactites. Em outro salão, que se abre à esquerda, estão mais de 20 cones, que chegam a dez metros de altura.

Gruta Ceita Corê
Com águas cristalinas o ano inteiro, esta gruta também é uma ressurgência que apresenta uma restrição logo na entrada, exigindo um certo esforço do mergulhador para passar. A partir dos nove metros de profundidade, encontra-se uma segunda restrição, ainda mais justa, que termina numa fenda, que atinge 82 metros de profundidade. É um mergulho restrito aos mergulhadores certificados em “Full Cave”.

Como chegar
Bonito fica a 248km de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, e existem diversas agências de turismo que organizam visitas ao lugar.

Dica
Todos os mergulhos e passeios em Bonito devem ser feitos com hora marcada, por isso o ideal é contactar as agências locais. Lembre-se ainda que mergulho em caverna, só com credencial.

Fotos de bonito

loading...

Escreva aqui !